NOTÍCIAS

NOTÍCIAS

  • Convite

     

    SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL
    MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO (MEC)
    UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ (UFPA)
    INSTITUTO DE LETRAS E COMUNICAÇÃO (ILC)
    INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO DE GOIÁS (IFG)
    CAMPUS URUAÇU
    PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM LETRAS (PPGL)
    GRUPO DE ESTUDOS BENEDITO NUNES (GEBN/CNPq/UFPA)

    Texto de Divulgação do Colóquio no Centenário de Inglez de Souza

    Herculano Marcos Inglez de Souza nasceu em Óbidos (PA), no dia 28 de dezembro de 1853 e faleceu no Rio de Janeiro (RJ), em 6 de setembro de 1918. Assim sendo, no presente ano faz cem anos de seu falecimento. Além de escritor, Inglez de Souza foi advogado, político e professor de direito, exercendo em concomitância e com muito louvor todas as suas ocupações. Como literato e jurista, participou da fundação da Academia Brasileira de Letras (ABL), ou Casa de Machado de Assis, onde ocupou a cadeira de número 28.

    O "Colóquio no Centenário de Morte de Inglez de Souza", que se realizará nos dias 20 e 21 de setembro de 2018, na Universidade Federal do Pará (UFPA), e que recebe o apoio do Instituto de Letras e Comunicação (ILC), do Programa de Pós-Graduação em Letras (PPGL) e da Editora da UFPA, vem pôr em foco o grande intelectual paraense, que, mesmo passando somente a infância no seu estado, nunca se esqueceu da terra natal, já que o espaço das suas obras literárias situa-se, predominantemente, nas terras da cidade de Óbidos e nas proximidades dos rios que banham a região.

    O evento está sendo organizado pela professora doutora Maria de Fátima do Nascimento, do Instituto de Letras e Comunicação da UFPA, com o auxílio da professora doutora Marcela Ferreira Matos, do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Goiás (IFG), e terá a participação de diversos pesquisadores: de Macapá (AP), virá o professor doutor Valdiney Valente Lobato de Castro, da Faculdade Estácio do Amapá (FAMAP); de Manaus (AM), o professor doutor Gabriel Arcanjo Santos de Albuquerque, da Universidade Federal do Amazonas (UFAM); de Teresina (PI), o professor doutor Hugo Lenes Menezes, do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Piauí (IFPI); e de Goiás, a professoa Marcela Ferreira Matos, do IFG, primeira doutora da obra de Inglez de Souza no Brasil.

    Particularmente da UFPA, haverá a presença dos professores doutores Carlos Augusto Nascimento Sarmento-Pantoja, Germana Maria Araújo Sales, Maria de Fatima do Nascimento, Marinilce Oliveira Coelho, Marlí Tereza Furtado e Tânia Maria Pereira Sarmento-Pantoja, bem como dos professores doutorandos José Francisco da Silva Queiroz (PPGL) e Aline Costa da Silva (PPGL).

    O evento, que vai reunir conferências, mesas-redondas com palestras e debates, além de sessões de comunicações, em seu encerramento contará com a presença de um pesquisador da obra do autor homenageado, o professor doutorando Paulo Maués Corrêa, da Secretaria Executiva de Estado do Pará (SEDUC).

    Com a organização do Colóquio, ganham os órgãos executores, por promover um evento inédito, pois se trata da primeira vez em que é proposta, entre duas Instituições de Ensino Superior (IES), uma homenagem a Inglez de Souza em seu estado de origem; e ganha a comunidade acadêmica, por mais essa oportunidade que lhe é oferecida para debater temas culturalmente relevantes.

    A organização do colóquio conta, ainda, com o apoio da Profª. Me. Elisangela Ribeiro de Oliveira (Doutoranda/UFPA); Prof. Me. Flávio Jorge de Sousa Leal (Doutorando/UFPA); Prof. Me. Melissa da Costa Alencar (Doutoranda/UFPA); Ingrid Luana Lopes Cordeiro (Mestranda/UFPA); Leliane de Cássia Gonçalves Silva (Mestranda PROFLETRAS/UFPA) e da Profª. Me. Aline Costa da Silva (Doutoranda/UFPA).

    As inscrições para o evento estão abertas até o dia 5 de setembro do corrente ano para apresentação de trabalhos e, para ouvintes, até o dia 20.

    Maiores informações, pelo site http://www.gebeneditonunes.com.br/ e pelo e-mail: coloquioinglesdesousa@outlook.com

    Comissão Organizadora
    Profª. Drª. Maria de Fatima do Nascimento
    Profª. Drª. Marcela Ferreira Matos

  • AGRADECIMENTOS

    AGRADECIMENTOS
    GRUPO DE PESQUISA BENEDITO NUNES (GEBN/CNPq/UFPA)

    Agradecendo a todos que participaram do "Encontro Regional 90 Anos de Haroldo Maranhão", a exemplo da professora Izabela Leal (UFPA), ofereço-lhes um dos poemas da minha preferência, "Tecendo a manhã", de "A educação pela pedra" (1966), obra escrita por João Cabral de Melo Neto, de quem muito gosto.

    Cumpre-me ressaltar que o referido literato pernambucano é estudado por um dos intelectuais que, juntamente com Haroldo Maranhão, foram importantes para o Modernismo no Pará.

    Refiro-me a Benedito Nunes, autor de "João Cabral de Melo Neto", livro integrante da Coleção Poetas Modernos do Brasil/1, numa publicação da Editora Vozes e do Instituto Nacional do Livro (INL) em 1971.

    Um abraço de Maria de Fatima do Nascimento.
    (Coordenadora do GEBN/CNPq/UFPA)

    TECENDO A MANHÃ

    Um galo sozinho não tece uma manhã:
    ele precisará sempre de outros galos.
    De um que apanhe esse grito que ele
    e o lance a outro; de um outro galo
    que apanhe o grito de um galo antes
    e o lance a outro; e de outros galos
    que com muitos outros galos se cruzem
    os fios de sol de seus gritos de galo,
    para que a manhã, desde uma teia tênue,
    se vá tecendo, entre todos os galos.
    2
    E se encorpando em tela, entre todos,
    se erguendo tenda, onde entrem todos,
    se entretendendo para todos, no toldo
    (a manhã) que plana livre de armação.
    A manhã, toldo de um tecido tão aéreo
    que, tecido, se eleva por si: luz balão.

    (João Cabral de Melo Neto)

  • DIVULGAÇÃO NA TV

    DIVULGAÇÃO NA TV - 7 de agosto de 2017

    A Professora Fatima Nascimento participou, nesta segunda-feira, 7 de agosto de 2017, do "Sem Censura Pará" da TV Cultura, para divulgar o "Encontro Regional 90 Anos de Haroldo Maranhão", que ocorrerá do Setorial Básico II, da Universidade Federal do Pará (UFPA), em Belém, nos dias 17 e 18 de agosto de 2017.

  • DIVULGAÇÃO NO RÁDIO

    DIVULGAÇÃO NO RÁDIO - 10 de agosto de 2017

    A Professora Fatima Nascimento foi entrevistada pela jornalista Iolanda Kinoshita da Rádio Cultura FM, de Belém do Pará, na quinta-feira, dia 10 de agosto de 2017 sobre o "Encontro Regional 90 Anos de Haroldo Maranhão".

  • DIVULGAÇÃO NO RÁDIO

    DIVULGAÇÃO NO RÁDIO - 4 de agosto de 2017

    A Professora Fatima Nascimento foi entrevistada pelo jornalista Fabrício da Rádio Web UFPA, na quinta-feira, dia 4 de agosto de 2017 sobre o "Encontro Regional 90 Anos de Haroldo Maranhão".

  • DIVULGAÇÃO NA IMPRENSA

    DIVULGAÇÃO NA IMPRENSA - 16 de agosto de 2017

    O jornalista Elias Ribeiro Pinto fez uma grande reportagem no Caderno "Você" do jornal Diário do Pará sobre o "Encontro Regional 90 Anos de Haroldo Maranhão", no dia 16 de agosto de 2017. Divulgando uma entrevista dada pela Professora Fatima Nascimento sobre o grande ficcionista Haroldo Maranhão.

  • DIVULGAÇÃO NA IMPRENSA

    DIVULGAÇÃO NA IMPRENSA - 23 de julho de 2017

    Mauro Bonna importante jornalista da imprensa paraense divulgou, em sua coluna do jornal Diário do Pará, o "Encontro Regional 90 Anos de Haroldo Maranhão", no dia 23 de julho de 2017 (domingo).

  • DIVULGAÇÃO NA IMPRENSA

    DIVULGAÇÃO NA IMPRENSA

    OBS.: PROJETO EM PARCERIA COM A UNIVERSIDADE DE LISBOA

    Maria de Fatima do Nascimento e Hugo Lenes Menezes participam do projeto Portugueses de Papel, desenvolvido em parceria com o Grupo de Investigação 6 do Centro de Literaturas e Culturas Lusófonas da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa (CLEPUL), bem como pela Cátedra Infante Dom Henrique, pertencente ao mesmo Centro, com vistas à elaboração, da parte de professores pesquisadores, de verbetes referentes a personagens portuguesas do romance brasileiro do século XIX para um dicionário que, de início, será colocado na Base de Dados de um site de consulta aberta e, posteriormente, impresso.